Jornal Florim

Novidades do Reino de Florentia e Outros Reinos

A lenda da torta de maçã-alada caramelizada

A Torta de Maçã-Alada Caramelizada é uma receita antiga que é passada de geração em geração entre as fadas de Florentia. Nossas pesquisas recentes nos mostraram a origem dessa sobremesa tão mágica e que possivelmente você não sabia, vem conhecer!

A lenda da torta de maçã-alada caramelizada

Nos primórdios de Florentia, muitas coisas mágicas daquelas terras ainda era desconhecidas pelas fadas e humanos que ali viviam e um desses mistérios eram as maçãs-aladas. Elas eram maçãs curiosas, que tinham asas e não permitiam que ninguém as pegassem – Era só ameaçar encostar em uma, que ela saia voando.

Entretanto, ali havia uma fada disposta a resolver esse mistério: a jovem fada Pomeline. Pomeline sabia que deveria haver uma forma de capturar uma maçã-alada, mas como? A primeira tentativa de Pomeline foi criar uma armadilha com mel e flores. Ali, algumas maçãs-aladas se aproximaram, deram uma olhadinha, mas ignoraram totalmente.

Depois Pomeline tentou cantar uma linda melodia, já que talvez as maçãs-aladas fossem iguais passarinhos que se aproximam de quem cantasse bonito… O problema é que Pomeline não cantava nada bem e uma Maçã-alada até deu uma maçãzada na cabeça dela.

Pomeline já estava perdendo as esperanças e quase desistindo de entender os mistérios dessas maçãs, até que ela se sentou embaixo de uma macieira-alada e tirou um belo cochilo. Pomeline sonhou que voava com as maçãs-aladas, brincavam juntas e se divertiam e quando a jovem fada acordou ela teve uma ideia genial.

Ela, então, balançou a macieira o que fez com que várias maçãs-aladas saíssem voando pelos ares e sem pensar duas vezes, Pomeline começou a voar ao lado delas. As maçãs-aladas adoraram aquilo e começaram a seguir as piruetas e voltas que a fada dava entre as nuvens.

Pomeline voou por longos minutos com as maçãs a seguindo, até que de repente, todas elas caíram cansadas no chão. A magia das maçãs-aladas havia acabado e Pomeline descobriu o segredo: Tudo que ela precisava fazer era cansar as maçãs até a magia acabar.

Assim, Pomeline pegou todas maçãs-aladas caídas na grama, mas ela não queria apenas comê-las, elas mereciam virar algo lindo e divertido assim como aquela tarde. Então Pomeline resolveu fazer uma deliciosa torta – E assim, como mágia, a torta ganhou uma cor de rosa encantada e adquiriu asas assim como uma maçã-alada.

Pomeline estava tão feliz com tudo aquilo que resolveu fazer uma dancinha da vitória e adivinha? Ela esbarrou na torta e caiu tudo no chão!

Uma história bem desastrada que até se parece com alguém que a gente conhece, não é mesmo? mas não é para menos, Pomeline era a tatatatataravó da Princesa Amora e foi assim, que essa mágica receita chegou nas mãos da Rainha Stena.

Pomeline não comeu a torta naquela tarde (é o que ela diz no seu diário, mas aposto que ela nem ligou que a torta caiu no chão!), entretanto ela guardou os segredos das maçãs-aladas e passou para suas filhas, netas e tataranetas.

E se você não faz parte da família da Pomeline, não se preocupe, porque a Rainha Stena escreveu para a gente essa receita deliciosa, vem conferir! Ou também, você pode ver a sobremesa favorita do Scorpio

Como fazer a Torta de Mirtilos Nebulosos

Como fazer a Torta de Mirtilos Nebulosos

Como fazer a Torta de maçã-alada caramelizada

Como fazer a Torta de maçã-alada caramelizada

O Diário de Uma Princesa Desastrada ® – Todos direitos reservado, proibida a reprodução

ilustrado por renata de souza @reyumeart

AUTORIZADO
POR FLORENTIA
Siga a Princesa Desastrada
@aprincesadesastrada